Governo do Distrito Federal
24/05/22 às 9h06 - Atualizado em 24/05/22 às 9h06

Governo vai iluminar 4,2 mil faixas de pedestres em todo o DF

Projeto Luz na Faixa, que começa por Plano Piloto e Ceilândia, será desenvolvido em parceria entre Detran-DF e CEB Holding, com investimento previsto de R$ 6,6 milhões

Agência Brasília* | Edição: Rosualdo Rodrigues

O Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) lança, às 11h30 desta terça-feira (24), na estação de metrô da Ceilândia Sul (QNN 16), o programa Luz na Faixa. Trata-se de uma parceria firmada entre Detran-DF e CEB Holding que prevê, no prazo de quatro anos, iluminar todas as 4.200 faixas de pedestre em vias urbanas do Distrito Federal.

O custo de implantação é de R$ 6,6 milhões e tem prazo de execução de nove meses, com possibilidade de antecipação. O programa vai começar iluminando 759 faixas do Plano Piloto (425) e Ceilândia (334), escolhidas por serem as regiões administrativas que possuem o maior número de faixas de pedestres entre todas do DF.

A implantação da iluminação vai garantir maior visibilidade para os pedestres, mesmo nas calçadas e áreas próximas à faixa, fazendo com que a percepção do condutor seja imediata. Isso vai trazer mais segurança, tanto para o pedestre como para o motorista.

O programa consiste na instalação de um poste de iluminação com 5 m de altura, contendo uma luminária em LED de 120W, para as vias com até duas faixas de rolamento. Nas vias com mais de duas faixas de rolamento, serão instalados dois postes de 5 m, sendo um em cada lado da via.

A potência da luminária a ser empregada (120W) representa ganho de 79,34% em relação à iluminância média produzida pelas luminárias de 72W geralmente utilizada nos postes de 5 m de altura. Com isso, o local da faixa ficará destacado em relação ao restante da via, sendo mais uma forma de alertar o condutor sobre a necessidade de atenção dada à possibilidade de travessia de pedestres.

*Com informações do Detran-DF